Encerramento do Novembro Azul nas obras aconteceu no Seconci nesta quinta, 25

Encerramento do Novembro Azul nas obras aconteceu no Seconci nesta quinta, 25
Compartilhe:

José Sidney Rocha
Assessoria de Comunicação Social do Seconci-DF

A campanha Novembro Azul nas obras teve seu encerramento com um café da manhã realizado no auditório do Seconci-DF nesta quinta-feira, 25. Estiveram presentes representantes das entidades envolvidas na ação que, durante o mês de novembro, percorreu obras levando informação e atividades aos trabalhadores da construção civil.

A campanha do Novembro Azul nas obras foi uma parceria do Seconci, Sinduscon-DF, Sesi-DF e Sticombe e não teve nenhum custo às empresas que solicitaram o serviço. O presidente do Seconci-DF, Marcelo Machado Guimarães, ressaltou a importância da  conscientização dos trabalhadores e a preocupação das empresas em servir como apoio no cuidado com a saúde dos seus funcionários. “É preciso intensificar essa campanha e mostrar a importância que o setor tem com o trabalhador. Para além do Novembro Azul, precisamos estender ainda mais essas informações que são tão importantes e salvam vidas”, disse Marcelo.

Durante as visitas aos canteiros, aconteceu uma atividade laboral, com apoio do Sesi-DF, e também com uma palestra orientativa promovida pelo Seconci-DF. Os trabalhos tiveram um alcance de mais de 300 trabalhadores de várias obras do DF. Representando o presidente do Sinduscon-DF Dionyizio Klavdianos, a vice-presidente Mirelle Corrêa falou sobre a campanha. “O mais interessante em participar de ações e campanhas como essa é que você começa a prestar mais atenção em você mesma e percebe que para cuidar dos outros, você precisa cuidar de você primeiro”, falou Mirelle.

No encerramento, os funcionários do Seconci-DF participaram de um café da manhã e receberam orientações do médico do trabalho Mauricio Nieto sobre o Câncer de Próstata. Após a fala do médico, alguns funcionários falaram da sua experiência com a doença e também da importância em ter esse cuidado com a saúde. Estiveram presentes também, representando o presidente do Sindicato dos Trabalhadores (Sticombe), o diretor Francisco da Silva Oliveira.

 

 

Voltar